Agressividade em cães relacionada à comida

19 Abril, 2020
A agressividade em cães, se for originada pela alimentação, corresponde a um instinto de sobrevivência. Embora possa ser um sinal de dominação, costuma ser um fruto da ansiedade ou do medo.

A agressividade que alguns cães exibem para proteger a sua comida pode ser um problema sério. Nessa situação, existe o perigo de outros cães ou humanos da casa serem mordidos. Além disso, esse problema pode evoluir ao longo do tempo, piorando o panorama.

O comportamento canino de proteger seus bens é algo normal. Os animais selvagens que protegem com sucesso seus recursos valiosos, como alimentos, companheiros e áreas de convivência, têm uma maior probabilidade de sobreviver na natureza.

A tendência de proteger alimentos ou itens valiosos é indesejável em nossos animais de estimação domésticos.

Como reconhecer se a agressividade em cães é causada pela comida?

A agressividade alimentar é uma forma de proteção de recursos na qual um cachorro se torna muito defensivo quando come. O cão usa ameaças para forçar outras pessoas a se afastarem.

O comportamento agressivo pode ser direcionado a outros animais, humanos ou ambos. A agressão é considerada leve se o animal apenas rosnar e mostrar os dentes. Em agressões moderadas, o cão ataca quando alguém se aproxima dele. Em casos graves, ele morde.

Cachorro agressivo com comida

O que causa a agressividade em cães para proteger a comida?

É fácil assumir que a agressão alimentar é uma demonstração de domínio, mas este nem sempre é o caso. A competição por comida com companheiros de ninhada é a principal causa.

Muitas vezes, pode haver um ou dois filhotes que dominam o prato de comida nas refeições e usam a agressividade para fazer isso. Qualquer filhote que exibe um comportamento de proteção alimentar antes das 16 semanas de idade deve ser avaliado por um veterinário, pois esse é um sinal precoce de desenvolvimento agressivo do comportamento.

Há uma variedade de coisas que os cães consideram valiosas

Embora muitos cães protejam a sua comida, outros protegem os ossos ou brinquedos de mascar. Alguns armazenam itens roubados, como embalagens ou meias.

Pode acontecer que o cão apenas direcione a proteção de recursos para certas pessoas, muitas vezes desconhecidas. Outros protegem seus recursos de todas as pessoas.

Como reconhecer se a agressividade em cães é relacionada à comida?

Primeiro, observe a linguagem corporal quando o cachorro está comendo. Você pode ver que seu corpo ficará rígido e ele pode manter a cabeça baixa.

Além disso, outro sinal é de que o branco dos olhos do seu cão fique visível. Ele pode manter as orelhas para trás, o rabo baixo, e os pelos podem subir. Um cão pode mostrar qualquer um ou todos esses sinais. Finalmente, existem os sinais mencionados acima: rosnar, atacar ou morder.

Cachorro feroz comendo

É possível controlar a agressividade em cães relacionada à comida?

O primeiro passo é avaliar o comportamento geral do seu cachorro. Esse comportamento ocorre apenas em relação à posse de comida ou se estende a outras coisas, como seus brinquedos favoritos, locais de descanso ou até mesmo as pessoas da casa?

Se o comportamento não se limitar à comida, seu cão mostra uma proteção geral dos recursos. É muito importante entender a situação e interpretar os motivos do seu cachorro.

Avalie a confiança e o comportamento geral do seu cão

Se o seu cão é naturalmente dominante, você deve se afirmar como o líder da matilha de uma maneira calma e assertiva. Por outro lado, se o seu cão é tímido ou medroso, você precisará aumentar a confiança dele e ensiná-lo que sua comida está segura com os seres humanos ao seu redor.

Por fim, é importante determinar se a agressividade alimentar é leve, moderada ou grave. Para casos graves, comece consultando um profissional para iniciar o tratamento apropriado.

Técnicas simples para combater a agressividade alimentar em cães

Atenha-se ao horário das refeições. Se a fonte da agressividade do seu cão é o medo ou a ansiedade de quando ele terá mais comida, a constância no fornecimento da mesma vai ajudar. Certifique-se de manter sempre a mesma rotina alimentar.

Os cães têm um relógio interno muito bom e aprendem rapidamente quando é hora de se levantar, dar um passeio, ou a hora em que seus donos vão voltar para casa. A pontualidade ao se alimentar ajuda a eliminar a ansiedade.

  • Snitcofsky, M. (2017).Desarrollo comportamental y crianza adecuada en caninos. eukanuba.com.ar
  • Fernández Foruny, A. (2008). Agresividad por dominancia. ETCAN. Etología Canina. Voraus.com El Perro de Utilidad y de Deporte.