Aranhas-saltadoras: as aranhas mais adoráveis do reino animal

16 Novembro, 2020
As aranhas-saltadoras são aranhas de tamanho pequeno e de hábitos saltadores. Suas principais características incluem a excelente visão, o cortejo complexo e hábitos de caça peculiares.

Quando pensamos nos aracnídeos, para a maioria de nós vêm à mente criaturas de oito patas com uma aparência assustadora. Assim como em tudo no mundo natural, em cada grande táxon biológico, existe uma característica essencial: uma grande variedade de espécies. Essa diversidade se expressa em diferentes colonizações de ecossistemas, formas morfológicas muito diferentes entre si e comportamentos atípicos de acordo com a espécie. Hoje, vamos tentar eliminar os preconceitos quanto a alguns artrópodes apresentando as aranhas mais adoráveis ​​do reino animal.

A classe Arachnida inclui carrapatos, ácaros, aranhas, amblipígios, escorpiões e muitos outros artrópodes de aparência ameaçadora. Mas aqui temos o gênero que é a exceção à regra: as aranhas-saltadoras. Você quer conhecer as características dessas simpáticas aranhas que saltam? Quer perder o medo das criaturas peludas com oito patas? Se a resposta for sim, continue lendo.

As aranhas mais adoráveis ​​do reino animal

As aranhas-saltadoras (Salticidae) são uma família de pequenas aranhas que saltam. Com mais de 6000 espécies descritas, são a mais diversa das famílias de aranhas, constituindo 13% de todas as famílias descritas até o momento. Esse fato pode ser chocante, pois muitas pessoas desconhecem completamente sua existência.

Isso ocorre principalmente por causa do tamanho minúsculo de muitas delas e da sua natureza inquieta. Esses pequenos artrópodes diurnos passam a vida saltando, percorrendo distâncias várias vezes maiores do que o seu tamanho em uma única propulsão. Isso pode ser feito graças a um sistema hidráulico muito sofisticado. Mas não é por causa da sua aparência adorável, que lembra um bicho de pelúcia, que elas deixam de ser predadoras natas.

As aranhas-saltadoras: As aranhas mais adoráveis do reino animal

Caça

As aranhas-saltadoras têm técnicas de predação muito diversas em comparação com outras famílias de aranhas. Geralmente, elas inspecionam os insetos que estão espreitando e se perguntam: vale a pena gastar energia nesse animal? Esse comportamento instintivo não deriva do pensamento racional, mas de um trade-off ou compromisso evolutivo. Por serem pequenos animais com metabolismo rápido em comparação com outros aracnídeos, elas não podem se dar ao luxo de falhar muitas vezes ou de caçar insetos com baixo teor nutricionalpois sua perda energética seria desproporcional.

Uma vez que a presa é identificada, essas aranhas costumam tecer um fio de seda ou “paraquedas” antes de atacar. Assim, se falharem, evitam que caiam no chão ou que sejam arrastadas por uma corrente de ar. Após o contato com o animal desafortunado, injetam um veneno para imobilizá-lo, impedindo sua fuga. Mas não é preciso se preocupar, pois esses venenos são insignificantes para os humanos (e, além disso, elas nunca atacam pessoas e vertebrados grandes).

Como curiosidade, existem algumas aranhas-saltadoras necrófagas que invadem as teias de outros aracnídeos maiores, arriscando suas vidas para recolher as presas que estão imobilizadas ali.

Um cortejo complexo

Nessa família, há um claro dimorfismo sexual em termos de coloração, algo relativamente comum nas tarântulas, mas estranho em outras famílias de aracnídeosOs machos geralmente têm vilosidades emplumadas, padrões coloridos e, em alguns casos, membros dianteiros desproporcionalmente grandes, usados ​​para o cortejo.

Todas essas ferramentas são utilizadas pelo macho em danças e movimentos coreografados para ganhar a preferência da fêmea e, assim, poder se reproduzir. Estamos diante de um caso evidente de seleção sexual, já que os machos mais coloridos e atraentes terão mais possibilidades de deixar descendentes, mas também são mais visíveis para os possíveis predadores.

Aranhas-saltadoras: uma visão de águia

A última característica notável das aranhas-saltadoras é a sua visão desproporcionalmente complexa em comparação com o restante dos seus sistemas. Elas têm oito olhos, que são divididos em ocelos e olhos secundários. É surpreendente saber que elas têm uma visão mais sofisticada do que as libélulas, os insetos com a melhor visão em todo o mundo animal.

Apesar disso, seu campo ocular é limitado, pois não conseguem virar a cabeça e precisam fazer movimentos corporais contínuos para interpretar o espaço tridimensional corretamente. Ainda assim, sua visão é excelente em comparação com as outras aranhas.

As aranhas-saltadoras: As aranhas mais adoráveis do reino animal

O mundo das aranhas-saltadoras

Como você deve ter observado nessas linhas, existem aracnídeos com comportamentos tão complexos que podem até mesmo nos lembrar das aves exóticas ou dos mamíferos em termos de cortejo e sofisticação na caça. Não podemos nos arriscar a chamá-los de inteligentes como tal, mas está claro que as aranhas-saltadoras evoluíram de maneira muito diferente dos outros artrópodes.

Será que isso aconteceu por causa do seu pequeno tamanho e das dificuldades que tudo isso acarreta? Não sabemos ao certo, mas uma coisa é fato: essas adoráveis ​​aranhas roubaram os nossos corações.

  • Salticidae, wikipedia. Recogido a 24 de junio en https://es.wikipedia.org/wiki/Salticidae,