Benefícios de uma dieta adequada para os cavalos

05 Maio, 2020
Os cavalos são animais com necessidades nutricionais específicas. Embora possam comer alimentos preparados industrialmente, na maioria das vezes, um cavalo precisa de alimentos naturais.
 

Uma dieta adequada é a principal força de um cavalo. Os equinos são animais fortes e poderosos, mas que devem ser alimentados de forma adequada. Somente uma alimentação equilibrada poderá manter o seu cavalo em ótimas condições. Vamos falar sobre os benefícios de uma dieta adequada para os cavalos.

A base de qualquer dieta equina deve ser a forragem de alta qualidade. No entanto, existem várias maneiras de suplementar a dieta de um cavalo.

Um cavalo não precisa de suplementos químicos, como, por exemplo, suplementos proteicos. Embora eles possam ser benéficos, um cavalo pode obter todos os nutrientes que precisa a partir de alimentos naturais.

Particularmente, a dieta dos cavalos pode ser seriamente afetada nos meses de inverno. Durante essa época do ano, a forragem fresca é escassa. Por esse motivo, os donos de cavalos devem estar atentos para que as necessidades nutricionais dos seus animais sejam atendidas.

Um cavalo precisa, principalmente, sempre permanecer hidratado de maneira adequada. Sem água suficiente, a saúde de um equino pode sofrer sérias consequências. Esses animais podem ficar abatidos facilmente e adoecer.

Dieta adequada para os cavalos: alimentos

1. Grama e plantas naturais

Em uma dieta natural, um cavalo come principalmente mato, grama e forragem natural. A forragem de boa qualidade contém a maioria dos nutrientes que um equino precisa para viver uma vida saudável.

Benefícios de uma dieta adequada para os cavalos: grama
 

Uma grande quantidade de forragem é importante, pois isso mantém a boca do animal limpa. A saúde bucal é necessária para a qualidade de vida do equino, pois, caso contrário, ele pode começar a desenvolver doenças graves. 

Na natureza, os cavalos se alimentam quase exclusivamente de forragem e grama. Por esse motivo, eles geralmente não sofrem com os problemas que são comuns em equinos domésticos.

Muitos equinos sob cuidados humanos geralmente desenvolvem problemas metabólicos e até mesmo de obesidade. Contudo, é importante observar que uma dieta pouco balanceada não é a única causa desse tipo de problema. Em geral, a falta de exercício e as predisposições genéticas são fatores que influenciam o desenvolvimento dessas condições.

2. Feno

Muitos criadores de equinos não podem se dar ao luxo de alimentar os cavalos com forragem de alta qualidade o tempo todo. Como muitos de nós sabemos, manter um equino em boas condições pode ter um custo bastante elevado.

Cavalo se alimentando bem

Assim, uma opção simples e adequada é suplementar a forragem com feno. Nem todos os cavalos gostam de feno, então misturá-lo com a forragem é uma boa ideia. Isso diminui os custos da alimentação do cavalo sem desequilibrar a dieta adequada.

 

3. Cereais     

O cereal favorito de muitos cavalos é a aveia. No entanto, os equinos podem comer outros tipos de cereais, como, por exemplo, o milho.

É importante que os tratadores tenham em mente que os equinos só podem comer cereais não processados, e nunca em grandes quantidades. Mas atenção: os cavalos não podem comer trigo sob nenhuma circunstância.

4. Misturas preparadas para cavalos

A ração de cavalo que pode ser comprada em lojas e redes comerciais é uma opção apropriada para refeições ocasionais. Essas misturas contêm uma proporção adequada de cereais, linhaça, polpa de beterraba, melaço para obter energia e sabor, farelo, vitaminas e minerais.

As misturas e alimentos preparados podem atender às necessidades nutricionais de um cavalo. No entanto, é necessário que o tratador não alimente o cavalo com misturas de forma constante, pois fazer isso pode causar desequilíbrios na dieta de um equino.

5. Sal e minerais em pequenas quantidades

Suplementos de sal e minerais podem ser incluídos nas misturas de forragem. No entanto, se o seu cavalo consome apenas forragem ou feno naturais, pode ser interessante complementar a dieta com suplementos minerais.

Cavalos comendo feno juntos
 

Muitos cuidadores já observaram que os cavalos consomem mais sal durante os meses de calor do que no inverno. É importante que você conheça o seu cavalo e compreenda as suas necessidades alimentares específicas antes de oferecer qualquer suplemento.

6. Recompensas     

Muitos cuidadores recompensam os seus cavalos com pequenas ‘guloseimas’. As ‘guloseimas’ que os cavalos mais gostam são maçãs, cenouras e outros vegetais.

Sem dúvida, os cavalos adoram comer açúcar e sempre vão ficar felizes se receberem essas ‘guloseimas’. Mas você deve ter cuidado para não exagerar ao alimentar o seu cavalo com esse tipo de recompensa.

Enquanto as guloseimas que consistem em vegetais fibrosos são muito adequadas, o açúcar pode não ser tão bom assim. Embora o seu cavalo fique feliz por ganhar açúcar, o excesso de glicose no sangue pode desencadear uma série de problemas de saúde, incluindo o diabetes.

Uma dieta adequada para cavalos se baseia em forragem e feno. Lembre-se de que esses alimentos contêm a maioria das vitaminas, minerais e fibras necessárias para que o seu equino se mantenha saudável.

É muito importante que, além de alimentar o seu cavalo de maneira equilibrada, você sempre o mantenha adequadamente hidratado. Tanto no verão quanto no inverno, um cavalo consome grandes quantidades de água.

A hidratação é um fator chave para a saúde de qualquer animal de estimação, mas especialmente para a dieta adequada dos cavalos.

 
  • Perrone, G. (2012) Prácticas de alimentación en caballos sangre pura de carrera en entrenamiento en la Repúbli-ca Argentina. Revista Veterinaria de la Universidad de Buenos Aires.
  • Cordona Álvarez, A. (2012) Conceptos generales sobre ulceración gástrica de los caballos. Revista Colombiana de Ciencia Animal, Volumen 4, Número 1.