Benefícios da terapia com golfinhos para as crianças

06 Maio, 2020
Os golfinhos são reconhecidos como animais altamente dotados. Muitas histórias e detalhes são relatados sobre a capacidade dos golfinhos de demonstrar as suas habilidades, mas que benefícios eles podem nos proporcionar?

Os golfinhos estão entre as criaturas mais inteligentes do reino animal. São animais maravilhosos que sempre chamaram a atenção dos seres humanos. Dizem que os golfinhos têm a capacidade de se comunicar com as pessoas por telepatia. Há também histórias incríveis sobre a sua astúcia e a sua interação com o homem. Vamos conhecer os benefícios da terapia com golfinhos para as crianças?

Atualmente os golfinhos são usados em terapias para o tratamento de várias doenças da infância. De fato, a terapia com golfinhos revelou proporcionar muitos benefícios para crianças com autismo, síndrome de Down ou até paralisia cerebral.

A razão para esses tratamentos é a diminuição do estresse e a melhora do sistema nervoso dos pacientes, graças às ondas ultrassônicas dos golfinhos. A seguir, vamos alguns elementos para entender melhor o que é a terapia com golfinhos e descobrir quais benefícios os golfinhos proporcionam para as crianças.

O que é a terapia com golfinhos

A terapia com golfinhos é uma forma de terapia que usa golfinhos para tratar pessoas com problemas de desenvolvimento, principalmente crianças. É usada principalmente em pacientes autistas, com síndrome de Down, paralisia cerebral ou qualquer outro problema de desenvolvimento. 

Os golfinhos são treinados para interagir com os seres humanos e para serem usados ​​como ferramentas em programas terapêuticos. Esse treinamento é realizado por treinadores ou cuidadores especializados, sempre sob a supervisão de especialistas em saúde ou educação.

O que é a terapia com golfinhos

É importante observar que as terapias com golfinhos não têm nada a ver com nadar com os golfinhos, que geralmente é uma atividade oferecida em pacotes turísticos.

Na terapia com golfinhos, a interação com os animais tem um efeito positivo na saúde física, emocional e psicológica dos pacientes. Essa forma de terapia com animais tem um número crescente de adeptos.

Como funciona a terapia com golfinhos

Em primeiro lugar, a terapia com golfinhos requer o trabalho de toda uma equipe de pessoas comprometidas em trazer benefícios aos pacientes e melhorar suas condições de vida.

Os benefícios dos golfinhos são o resultado de um treinamento específico em termos de interação com as pessoas. Diferentes técnicas podem ser usadas, mas todos elas têm em comum a estimulação sensorial e emocional dos pacientes.

As crianças trabalham em determinadas horas predefinidas, em piscinas especializadas, e em um ambiente descontraído. O trabalho é feito com um terapeuta e um golfinho especialmente treinado para esse fim. Devido ao comportamento amigável dos golfinhos, as crianças perdem o medo muito rapidamente.

Durante as sessões de terapia com golfinhos, as crianças não nadam apenas com os golfinhos. O terapeuta impõe uma série de tarefas ao golfinho e à criança, e a criança vai resolvendo aos poucos. Um dos principais benefícios dos golfinhos para as crianças durante a terapia é o contato físico e emocional que eles proporcionam.

Como funciona a terapia com golfinhos

Benefícios dos golfinhos para as crianças

Os golfinhos são animais extremamente inteligentes e sociáveis. Por isso, eles podem ser treinados para serem muito benéficos para os pacientes e são especialmente indicados para criar um vínculo físico e emocional com as crianças. Esses aspectos são essenciais para melhorar a vida das crianças com problemas de desenvolvimento.

Outro benefício da terapia com golfinhos é que estar na água com esses animais gera uma estimulação sensorial muito significativa. Assim, no caso de crianças com distúrbios graves, como autismo, síndrome de Down e paralisia cerebral, essa estimulação é fundamental para melhorar suas habilidades e estados psicológicos.

Embora não tenha sido cientificamente comprovado, existe também a hipótese de que o ultrassom emitido pelos golfinhos tenha efeitos benéficos no sistema nervoso central.

Até foi afirmado que o DNA dos pacientes poderia ser modificado com o contato com os golfinhos. Seja como for, parece que essas ondas melhoram o humor das crianças e as ajudam a desenvolver certas capacidades cerebrais.

A terapia com golfinhos e os defensores dos animais

Apesar de todos esses benefícios, a terapia com golfinhos não é vista de forma favorável pelos defensores dos animais, que argumentam que isso traria efeitos negativos para os animais.

Na prática, para treinar os golfinhos, é necessário capturá-los e isolá-los do seu grupo, além de sujeitá-los a rotinas de treinamento muito difíceis. As críticas desses defensores dos animais são ainda mais reforçadas devido à falta de evidências científicas que garantam o verdadeiro benefício da terapia.