Cão de ursos da Carélia ou Karjalankarhukoira

02 Junho, 2018
Essa raça de caça, originária da Finlândia, vive em um clima frio, mas, mesmo assim, demonstra que seu caráter tem mais tendência para ser “latino”: carinhoso, amigável, paciente e tolerante, podendo ser o animal de estimação ideal para as crianças.

O cão de ursos da Carélia ou Karjalankarhukoira é uma raça pouco conhecida, mas muito característica dos países nórdicos. Hoje queremos lhe aproximar dela, porque dizem que conhecimento nunca é demais, não é mesmo?

Conheça o cão de ursos da Carélia

Origem e história

Esses cães vêm da Finlândia e, ainda que algumas pessoas lhes tenham como animal de estimação, são escolhidos principalmente como cães de caça. Têm algumas qualidades que lhes tornam perfeitos para esse trabalho.

Por exemplo: destacam-se por sua agilidade, tenacidade, o amplo desenvolvimento da visão e do olfato, e pela facilidade de adaptação a temperaturas extremas, sejam estas frias ou quentes.

Acredita-se que trata-se de uma das raças mais antigas da região. Seu nome surgiu porque não se queria reconhecê-lo apenas como Finlandês, já que parte da Carélia pertencia à Rússia, quando essa raça apareceu.

cão de ursos da carélia

O certo é que o cão de ursos da Carélia ou Karjalankarhukoira vivia ao redor do lago Ladoga, que fica na fronteira entre a Finlândia e a Rússia.

Características físicas do cão de ursos da Carélia

Como característica principal, destaca-se sua pelagem de cor negra, com manchas brancas em diversas partes do corpo. O pelo é de médio a grande e muito abundante. Debaixo dessa capa de pelos, há outra interior, muito suave, porém espessa, que o protege das baixas temperaturas.

Essa raça tem tamanho médio, mede cerca de 50 ou 60 centímetros de altura, com uma aparência robusta e forte. Suas orelhas são eretas com as pontas arredondadas. Seu rabo é médio e tem forma de arco, raramente têm as manchas brancas comuns em seu pelo.

Em relação as patas, as traseiras são um pouco mais compridas do que as dianteiras, mas ambas são retas e fortes. A complexidade de seus músculos lhe tornam um animal ideal para a caça e para outros trabalho relacionados com o campo, especialmente em baixas temperaturas.

Seu olhos são pardos, com tons esverdeado, muito redondos e nunca estão fundos. Em seu rosto, destaca-se a linha branca que vai de seu nariz até a parte superior da cabeça, e que desce da mandíbula interior até o pescoço.

Caráter e temperamento

É um cão muito ágil e ativo, tenaz e valente. Graças a isso, e a seus desenvolvidos sentidos de visão e olfato, é um excelente cão guardião.

É muito carinhoso e amigável, de caráter paciente e tolerante, ideal para conviver com crianças. No entanto, é um pouco teimoso, por isso precisa de adestramento, se possível, profissional. Com isso e com uma boa socialização desde filhote, será um animal ideal para estar em família.

Cuidados e saúde

O cão de ursos da Carélia ou Karjalankarhukoira é um animal incrivelmente forte. Na verdade, não se sabe de problemas de saúde gerais ou congênitos desta raça.

ursos da carélia

É um animal tão robusto, em todos os sentidos, que tem uma grande resistência ao cansaço. Por isso, ele foi utilizado para trabalhos tão duro como a caça em ambientes extremos, como temperatura abaixo de zero e com muita neve.

No entanto, devido a essa resistência física e por ser um cão ativo, precisa de boas doses de exercício diários. Sua pelagem requer cuidados e escovações diárias para eliminar a pelagem morta e permitir que a pelagem se regenere.

Mesmo com sua grande força, é preciso hidratar bem seu nariz e as almofadinhas, se habitar em um lugar muito frio e com neve. Essas são áreas muito delicadas de seu corpo.

Como você pode ver, o cão de ursos da Carélia não é um animal muito conhecido, mas será um cão ideal para ter como companheiro em casa, pois é tranquilo e tem um caráter amável. Já pensou em tê-lo como seu próximo animal de estimação?