O corucão: habitat e comportamento

25 Outubro, 2020
O corucão, tabaco-bom ou tiom-tiom é uma ave muito peculiar por causa de sua camuflagem e forma de caçar.

O corucão é conhecido por vários nomes na América do Sul e pertence à família Caprimulgidae, que inclui os diferentes gêneros e espécies do famoso corucão.

Habitat do corucão

Existem muitas espécies de corucão espalhadas pelo continente americano e europeu, mas eles também podem ser encontrados em partes da Ásia e da África. O corucão, em particular, pode ser visto na Venezuela, na Colômbia, no Brasil, no Paraguai, no Uruguai, na Bolívia e em parte da Argentina.

Esta ave vive em florestas, savanas, pântanos e pastagens, embora também seja encontrada nas margens de rios, áreas costeiras e ambientes xerófilos. Costumam ficar em locais abertos, áreas quentes e de altitude moderada, não em áreas montanhosas.

O corucão: habitat e comportamento

É muito típico vê-lo empoleirado em estradas e caminhos de terra durante noite, ofuscado pelos faróis dos carros, motivo pelo qual muitos geralmente são atropelados. É normal vê-los em grandes plantações, onde os insetos voadores noturnos são abundantes.

Geralmente permanecem solitários ou formam casais, mas, como são aves migratórias, podem ser vistos grupos de centenas de indivíduos.

Como é o corucão?

É uma ave robusta, com cerca de 30 centímetros, cauda curta e asas longas e arredondadas. Sua cabeça é achatada e pequena, com um bico pequeno, mas com uma grande boca que fica aberta durante o voo para caçar. Seus grandes olhos são pretos são adaptados à vida noturna.

O corucão: habitat e comportamento

A plumagem críptico é o segredo da sua sobrevivência. Graças a ela, podem se misturar perfeitamente com a paisagem. Suas patas são curtas e seu corpo é cor de areia, com pontos pretos em contraste com o ventre e a garganta de cor branca. Enquanto voam, é possível ver uma mancha branca na parte interna das asas. É válido destacar que os machos apresentam manchas brancas na ponta da cauda.

Além disso, o corucão também tem vibrissas ou bigodes (pelos sensoriais) muito proeminentes, com os quais percebe as vibrações.

O comportamento do corucão

O corucão, assim como as outras aves que compõem sua família, é uma ave insetívora, de hábitos crepusculares e noturnos. Ele passa o dia no chão, sem se mover. Na verdade, é difícil vê-lo porque ele se camufla muito bem no ambiente ao seu redor.

O corucão: habitat e comportamento

Seu voo costuma ser baixo e errático, e é nesse momento que ele caça os insetos de que se alimenta: besouros, formigas, zigópteros, libélulas, grilos, mariposas, homópteros, tesourinhas e mosquitos. Pra caçar, também se aproveitam das fontes de luz artificial que atraem os insetos. Além disso, sua plumagem é adaptada a um voo furtivo, indetectável para suas presas.

O corucão emite um som característico muito alto e repetitivo quando está no chão, o que muitas vezes pode fazer com que seja detectado.

A época de cortejo e acasalamento varia de acordo com a região. Essas aves não constroem ninhos, em vez disso colocam os ovos no chão. A postura geralmente é de poucos ovos, no máximo dois ao ano.

A fêmea é quem mais cuida da postura e dos filhotes, enquanto isso o macho pode terminar de alimentar os filhotes da primeira ninhada enquanto a fêmea incuba a segunda.

Há uma crença de que podem beber o leite das cabras sugando diretamente do úbere. Embora isso não seja verdade, é fato que eles geralmente acompanham os rebanhos durante o crepúsculo para que possam se alimentar dos insetos que levantam pelo caminho.

Outro nome pelo qual o corucão é conhecido é ‘engana pastores’, pois, ao ver que o seu ninho está ameaçado, faz voos curtos e desordenados para fingir que está ferido e é uma presa fácil. Dessa forma, distrai o possível predador do seu ninho, exposto no chão.

Sem dúvida, o corucão é uma ave muito interessante por causa de sua camuflagem e forma de caçar. A melhor maneira de encontrá-lo e observá-lo é aguardar o pôr do sol e olhar atentamente para o chão, já que ele é um especialista em camuflagem.

  • BirdLife International 2016. Chordeiles nacundaThe IUCN Red List of Threatened Species 2016.
  • Añapero ñacundá. eBird.
  • Nacunda Nighthawk Chordeiles nacunda. The Cornell Lab of Ornitology. Neotropical birds.