6 erros ao escovar os dentes dos cães: como evitá-los?

07 Dezembro, 2019
Embora tenhamos conhecimento dos benefícios de escovar os dentes dos cães, poucos deles têm os dentes corretamente escovados.
 

É de conhecimento geral que escovar os dentes dos cães corretamente e fazê-lo regularmente pode prevenir problemas de saúde, mas muitos donos cometem erros sem saber.

Dentes com cáries, gengivas doloridas e mau hálito não são mais normais ou aceitáveis ​​para os cães do que são para as pessoas. É essencial enfatizar que problemas dentários caninos nunca devem ser algo que os donos aceitem ou ignorem.

Além disso, o bom hábito da escovação reduz a necessidade de procedimentos odontológicos sedativos invasivos e caros. Neste artigo, veremos seis dos erros mais comuns cometidos pelos donos que se esforçam para escovar os dentes dos cães e como evitá-los.

1. Escolher incorretamente os elementos para escovar os dentes dos cães

A maioria dos donos que limpa os dentes de seus cães usa escova e creme dental especialmente projetados para cães. A pasta é projetada para ser saborosa para o paladar canino.

É importante comprar o tipo certo de escova de dentes para a boca do seu cão. Você nunca deve tentar usar uma escova humana.

Diferentes formas e tamanhos de focinho precisam de diferentes tipos de escova. Tenha em mente, por exemplo, que um chihuahua e um bulldog inglês são muito diferentes!

Devido à variedade de opções de escova e creme dental no mercado, siga as recomendações do seu veterinário. Além disso, ele pode mostrar como escovar os dentes do seu cão de forma eficaz.

Erros ao escovar os dentes dos cães
 

2. Confiar mais na pasta de dentes do que na escovação

É preciso notar que a pasta de dentes para humanos não é apenas inapropriada para cães, mas também tem um gosto ruim para eles. O uso dessa pasta tornará o procedimento desagradável para o animal, além de ineficaz.

No entanto, mesmo se você usar uma pasta de dente adequada para cães, o resultado pode não ser o melhor. É a própria escovação, e não a pasta de dentes, a chave para proteger e limpar completamente os dentes do seu cão.

Além disso, é possível escovar os dentes do cão efetivamente sem usar uma pasta. Devemos ter em mente que escovar rapidamente os dentes do cão e esperar que a pasta de dentes funcione por si só não é eficaz.

3. A inconstância ao escovar os dentes dos cães

A constância na limpeza dos dentes do seu cão é o único meio de obter um impacto positivo na saúde bucal do animal e evitar problemas mais tarde. Você deve internalizar que escovar os dentes do seu cão apenas de vez em quando não será suficiente.

A recomendação é escovar os dentes do seu cão pelo menos três ou quatro vezes por semana, e idealmente uma vez por dia.

Por esse motivo, é necessário incorporar a escovação à rotina habitual. Isso não apenas fornecerá o melhor nível de proteção para a dentição do seu cão, mas também vai ajudá-lo a se acostumar.

Em um cão que aceita o procedimento de escovação, levará apenas alguns minutos e não será um grande incômodo.

Como cuidar dos dentes dos cães
 

4. Não elogiar nem recompensar

Mesmo que o seu cão seja muito bom em deixar você escovar os dentes dele, lembre-se de que você está pedindo algo incomum para a natureza do animal. É uma ação que está fora do seu quadro de referência.

Por esse motivo, você deve ser positivo com o seu cão durante todo o procedimento. Quando terminar, elogie-o e dê-lhe uma recompensa, como um brinquedo, uma música ou muito carinho.

5. Começar o cuidado odontológico após o surgimento de problemas

Se o seu cão já tiver mau hálito, gengivas pretas, placa visível, cáries ou danos nos dentes, começar a escovar os dentes não vai corrigir esses problemas.

Lembre-se de que, se a boca do seu cão não estiver em boas condições para começar, escová-la em casa não resolverá nenhum dos problemas. Fazer isso pode ser simplesmente desagradável ou até doloroso para o seu cão.

Nesse caso, seu cão deve passar por um procedimento odontológico veterinário sob sedação para resolver os problemas existentes. Só então valerá a pena começar a escovar os dentes em casa.

Higiene bucal dos cães

Não acredite que começar a escovar os dentes do seu cão após o dano já ter sido feito será eficaz.

 

6. Ignorar os problemas orais do cão

Finalmente, escovar os dentes dos cães oferece uma excelente oportunidade para conhecer os dentes e as gengivas do animal. Somente então você poderá identificar o que é normal e detectar rapidamente o surgimento de qualquer problema.

O correto será dizer que a prevenção só será eficaz se você agir rapidamente quando detectar um problema em potencial. Quando você observar alguma anomalia, leve seu cão ao veterinário o mais rápido possível.

Mesmo em cães cujos dentes são limpos regularmente, podem surgir problemas dentários. Estes não podem ser completamente evitados, mesmo com a escovação em casa.

No entanto, a intervenção imediata e a atenção aos problemas dentários garantirão que o seu cão mantenha a boca saudável. Se você cuidar dos dentes do seu animal desde filhote, ele poderá precisar de apenas um nível mínimo de tratamento.

Em resumo, mesmo nos casos em que tudo começou bem, com um cão que aceita a escovação, existem vários erros possíveis ao escovar os dentes dos cães. Identificar e corrigir esses erros aumentará o impacto positivo do seu esforço.

 
  • Sanabria, E, & Vázquez, G., (2004). Manual de profilaxis dental en perros. Centro universitario de ciencias biológicas y agropecuarias. División de ciencias veterinarias. Universidad de guadalajara.
  • Grandez, R., & Porras, C. (2013). Frecuencia de alteraciones dentales y periodontales en perros atendidos en la clínica veterinaria de la Universidad Peruana Cayetano Heredia durante mayo–octubre. Salud tecnol. vet. 2013; 1:14-18.
  • Acheverreaga, F., & Burgueño, M. (2012). Prevalencia de la enfermedad periodontal en perros de Uruguay, determinación de su gravedad y de los posibles factores de riesgo. Universidad de la República (Uruguay). Facultad de Veterinaria.