Como identificar um gato com asma felina?

23 Abril, 2020
A tosse do seu gato pode ser mais do que apenas uma bola de pelo; a asma felina pode ser desencadeada por alergia ou estresse.

Saiba como identificar um gato com asma felina, muito semelhante à asma humana. É uma inflamação crônica dos pequenos dutos nos pulmões de um gato. Quando ocorre um ataque de asma, essas passagens engrossam e contraem, dificultando a respiração do gato.

Isso geralmente leva a problemas respiratórios, que podem se tornar graves em questão de minutos. Os pulmões também podem começar a descarregar muco nas vias aéreas, levando a ataques de tosse e chiado no peito.

Alguns gatos com casos mais simples experimentam apenas uma tosse leve, mas crônica. Como a asma pode rapidamente se tornar um problema de saúde com risco de vida, qualquer gato com tosse precisa passar por uma avaliação veterinária.

Sintomas gerais da asma felina

  • Tosse persistente
  • Sibilos
  • Ofegar para respirar
  • Tosse com muco espumoso
  • Boca aberta para respirar
  • Lábios e gengivas azuis
  • Respiração forçada após fazer esforço
  • Fraqueza geral e letargia
Sintomas gerais da asma felina

O que causa a asma felina?

Embora existam vários fatores que contribuem para a asma felina, acredita-se que ela se desenvolva como resultado da bronquite alérgica. A bronquite alérgica ocorre quando as vias aéreas dos pulmões de um gato ficam inflamadas devido a um alérgeno que foi inalado, ou outra substância que estimulou o sistema imunológico.

Fatores comuns que podem contribuir para a gravidade de um ataque de asma incluem:

  • Alérgenos, incluindo pólen, mofo, poeira, fumaça de cigarro, perfumes e certos alimentos.
  • Cardiopatias ou doenças pré-existentes.
  • Parasitas.
  • Estresse extremo.
  • Obesidade.

Sintomas semelhantes à asma felina também podem estar associados a outras doenças, como a dirofilariose, parasitas respiratórios, tumores, insuficiência cardíaca e pneumonia.

Alguns gatos são mais propensos à asma?

A asma felina geralmente se desenvolve entre as idades de 2 a 8 anos, com maior incidência em fêmeas do que em machos. As raças siamesas e do Himalaia, e misturas de raças, parecem ter asma com mais frequência do que outras.

O que devo fazer se achar que meu gato tem asma felina?

Consulte o seu veterinário imediatamente se você acha que o seu gato desenvolveu asma. O especialista fará um exame físico e provavelmente recomendará exames de diagnóstico para descobrir o que está causando o problema.

Alguns gatos são mais propensos à asma?

Diagnóstico

Como os sintomas da asma podem ser semelhantes aos observados em outras doenças, como a dirofilariose, pneumonia e insuficiência cardíaca congestiva, é importante que o veterinário determine a causa dos ataques.

Não há testes específicos para determinar a asma, mas raios X, exames de sangue, avaliação das secreções brônquicas e testes de parasitas geralmente serão realizados para descartar outras causas.

Tratamento

Embora não exista uma cura definitiva para a asma, existem vários métodos para controlá-la com sucesso. Um tratamento eficaz pode incluir medicamentos que dilatam as vias aéreas e reduzem a inflamação ou modificam a resposta imunológica do corpo. Assim como na asma humana, às vezes o medicamento é administrado através de um inalador especialmente adaptado.

Como evitar que meu gato sofra um ataque de asma felina?

  • Faça exames de rotina no gato em busca de parasitas internos.
  • Reduza o estresse no ambiente do seu animal, pois ele tende a piorar os sintomas de alergia e asma.
  • Não use perfumes, purificadores de ar, produtos para limpar carpetes, lacas e produtos de limpeza com spray ao redor do seu gato.
  • Evite usar caixas de areia perfumadas ou com aditivos.
  • O ar seco estimula os ataques de asma, portanto, mantenha um bom umidificador funcionando, principalmente durante os meses de inverno.
  • Evite o excesso de peso no seu gato e incentive a atividade física!

Lembre-se: nenhum gato deve ser exposto à fumaça do cigarro, mas se o seu gato tiver asma, ela vai prejudicá-lo ainda mais. Se você fuma, este é mais um motivo para abandonar esse hábito.

  • https://www.bluecross.org.uk/pet-advice/caring-cat-asthma
  • https://www.thesprucepets.com/treat-feline-asthma-555454