Causas e tratamento do hipotireoidismo em cães

23 Abril, 2020
O mau funcionamento da glândula tireoide afeta o metabolismo dos animais e pode causar uma série de problemas em sua saúde.

O hipotireoidismo, causado por um mau funcionamento da tireoide, resulta na produção e liberação diminuída de hormônios da tireoide. Nós sabemos o que causa isso em humanos e como tratar o problema, mas as causas e o tratamento do hipotireoidismo em cães não são os mesmos.

O que é e o que causa o hipotireoidismo em cães

A glândula tireoide, localizada no pescoço, produz o hormônio tiroxina e, portanto, contribui para o bom funcionamento do metabolismo. Dessa maneira, nosso corpo e o de outros animais são capazes de obter os nutrientes necessários a partir dos alimentos ingeridos.

O hipotireoidismo afeta o bom funcionamento dessa glândula e reduz a liberação e a produção da tiroxina. Esta doença, comum em cães, pode afetar qualquer raça, embora seja observada alguma prevalência em golden retrievers, dobermans, pinschers, boxers e cocker spaniels.

Muitas das causas do hipotireoidismo em cães podem se estender para as pessoas. As causas mais comuns de hipotireoidismo em cães são as seguintes:

  • Uma dieta pobre em iodo.
  • Presença de tumores ou cistos sebáceos.
  • Doenças autoimunes.
  • Substituição do tecido da glândula tireoide por tecido adiposo, conhecido como atrofia.
O que causa o hipotireoidismo em cães?

Sintomas

Ao diagnosticar a doença, existem certos sinais que podem nos ajudar a determinar se um cão sofre de hipotireoidismo.

  • O principal sintoma desta doença é o ganho de peso, que muitas vezes leva à obesidade. Com um tratamento correto, uma perda de peso significativa deve ocorrer, embora seja necessário manter uma dieta equilibrada e um estilo de vida ativo para o animal de estimação voltar ao caminho certo.
  • Muitos dos pacientes afetados pelo hipotireoidismo sofrem uma letargia bastante comum na doença, causada por um menor rendimento do processo metabólico. Quanto mais lento o metabolismo de um animal, mais cansado e com sono ele se sentirá, uma das razões pelas quais eles podem dormir muito.
  • Ocasionalmente, pode afetar a pele e as glândulas sebáceas do animal.
Cachorro fazendo tratamento

Tratamento e recomendações para combater o hipotireoidismo em cães

O tratamento do hipotireoidismo é simples e barato: basta administrar o hormônio tireoidiano por via oral (T4) tantas vezes quanto o veterinário prescrever.

É aconselhável monitorar periodicamente o animal em todos os tratamentos que exigem medicação a longo prazo para avaliar a sua tolerância.

Com um acompanhamento do hormônio estimulador da tireoide em cães, ou TSH canino, podemos descobrir se o nível do hormônio tireoidiano está muito baixo. Um alto nível desse hormônio estimulante é um indicador de que o tratamento não está adequado, por isso o monitoramento constante é altamente recomendado.