Probióticos para problemas intestinais em cães

23 Janeiro, 2020
Os probióticos são pequenos micro-organismos encontrados em alguns alimentos que favorecem o funcionamento do sistema digestivo quando há algum tipo de problema com ele.

Os animais de estimação podem sofrer diferentes desequilíbrios, dependendo do que eles comem ou até mesmo de terem sido infectados com alguma doença. Por isso, a prevenção é fundamental. Neste artigo, vamos mostrar como os probióticos podem ser úteis para o tratamento de problemas intestinais em cães.

Quais são os problemas intestinais mais comuns em cães?

Assim como acontece com as pessoas, os cães também são vulneráveis ​​a problemas intestinais e digestivos. Esses problemas geralmente não são detectados pelos donos porque ou o animal não reclama, ou então acreditamos que é algo temporário e que ‘vai passar sozinho’.

Os vermes e a tênia são dois dos tipos de parasitas intestinais em cães que são mais frequentes do que imaginamos. Ambos chegam ao sistema digestivo através da ingestão de alimentos ou objetos infectados e podem causar, por exemplo, uma perda de peso significativa.

Os vermes não são os únicos que causam problemas intestinais nos cães, pois há bactérias e alguns tipos de fungos que também interferem na sua saúde e a prejudicam. Nestes casos, os sintomas que o animal pode apresentar são vômitos, diarreia, perda de apetite e desânimo.

Você vai perceber que ele está dormindo durante muitas horas e não demonstra felicidade nem motivação pelas coisas de sempre: a sua chegada em casa, um brinquedo, o som da comida dele sendo colocada no prato, etc.

Não podemos ignorar, também dentre os problemas intestinais em cães, aqueles causados ​​pela ingestão excessiva de alimentos. Isso ocorre especialmente nos casos de raças ‘gulosas’ por natureza, tais como labradores, mastins ou terra-nova.

Cachorro comendo ração

Comer muito mais do que o recomendado fará com que o animal tenha inchaço abdominal e também problemas para defecar. Isso vai alterar o metabolismo intestinal e pode causar dor ou desconforto.

Probióticos para problemas intestinais em cães

Certamente você já ouviu ou leu sobre os benefícios dos probióticos para os seres humanos: tomar um iogurte todas as manhãs reduz a constipação, por exemplo. Mas talvez você nunca tenha pensado que esse mesmo ‘tratamento’ humano pode ser usado para os animais de estimação, especialmente para os cães.

Mas o que são os probióticos? Eles são pequenos micro-organismos presentes em certos alimentos que trazem grandes benefícios para a saúde intestinal e digestiva.

Os cães saudáveis ​​não precisam consumir probióticos, pois a sua flora intestinal já cumpre todas as funções. No entanto, quando eles têm um problema digestivo, alguns veterinários podem indicar a ingestão desses micro-organismos.

O profissional também pode indicar uma dieta com probióticos caso o animal de estimação esteja seguindo algum tratamento cujos efeitos colaterais incluam constipação, gases ou diarreia.

Probióticos úteis para os problemas intestinais em cães

Além disso, existe a possibilidade de usar os probióticos como uma medida preventiva caso o cachorro coma rápido demais ou se percebermos que, ao terminar de comer, ele fica com a barriga muito inchada.

Quais são os melhores probióticos que podemos dar aos nossos cães? Basicamente, existem quatro:

1. Iogurte natural

Ao contrário do que se imagina, os cães podem comer iogurte, mas com uma ressalva: ele deve ser natural. Ou seja, ele não deve conter açúcares ou corantes (tais como sabor de baunilha ou de morango). Porém, fique atento pois alguns cães são intolerantes à lactose .

2. Kefir

Trata-se de um líquido amarelado produzido por bactérias ‘boas’ que pode ser usado misturado com água ou com alimentos.

3. Chucrute

Trata-se de um alimento fermentado bem conhecido na culinária alemã que é preparado com repolho e outros vegetais. É repleto de micro-organismos vivos benéficos para o sistema digestivo e intestinal.

No entanto, devido ao seu forte aroma e sabor, talvez seja melhor oferecer apenas uma pequena quantidade.

4. Microalgas

Elas estão disponíveis em lojas de alimentos naturais e podem ser misturadas com outros alimentos. Trata-se de um grande probiótico que regula a flora intestinal.

De todas essas opções, o iogurte é o mais fácil de encontrar e fornecer ao animal, pois certamente ele vai gostar. Basta oferecer uma colherada grande como recompensa toda vez que ele se comportar bem. Inclusive, você também pode misturar o iogurte com a sua comida habitual.

Existem muitos benefícios proporcionados pelos probióticos, incluindo a redução dos problemas intestinais em cães. Eles também servem para proteger o corpo de bactérias nocivas, estimular o sistema imunológico e aumentar a absorção de nutrientes.

Por isso, consulte o veterinário sobre a dose ou os tipos de bactérias que seriam adequadas para o seu animal de estimação.

Arribas, B., Rodríguez, M. E., Camuesco, D., Zarzuelo, A., & Gálvez, J. (2008). Aplicaciones terapeuticas de los probioticos. Ars Pharmaceutica. https://doi.org/10.1016/j.eururo.2006.09.018