O substrato ideal para o seu aquário: cascalho ou areia?

11 Julho, 2020
O substrato de um aquário tem várias funções e pode afetar a saúde do seu ecossistema profundamente. Descubra que tipo de substrato é a melhor escolha para o seu aquário.
 

O substrato de um aquário tem várias funções e pode afetar a saúde do seu ecossistema profundamente. Você deve escolher o substrato indicado de acordo com o tipo de aquário que possui. A melhor escolha vai depender de o aquário ter apenas peixes, plantas ou água doce ou salgada.

Em geral, um substrato arenoso com cores naturais dá aos peixes um senso de direção. Os peixes precisam ter um senso de orientação para manter uma vida feliz e calma. Fundos refletivos ou de vidro geralmente têm como resultado peixes irritados.

Além de dar ao seu aquário uma aparência mais natural, o uso de cascalho no substrato permite o desenvolvimento de bactérias benéficas para a vida dentro do aquário. No entanto, você deve escolher o substrato a ser usado com cuidado, pois o excesso de bactérias pode alterar o ecossistema.

Substrato para aquários de peixes

Os aquários que abrigam apenas peixes precisam de um tipo específico de substrato. Como esses ecossistemas são limitados, esse tipo de aquário precisa de um substrato que permita o crescimento de bactérias que equilibram o ambiente.

O substrato ideal para o seu aquário

Muitos donos de aquários se preocupam com o tamanho do cascalho e a possibilidade de que ele interfira no filtro. Atualmente, com a tecnologia existente para os filtros, é improvável que a areia danifique seu filtro.

 

Nos aquários que contiverem apenas peixes, especialmente se você tiver peixes que se alimentam no fundo e não na superfície, é importante usar areia fina. O fundo do aquário deve ter entre 5 e 6 centímetros de profundidade.

Lembre-se de que um fundo com grande profundidade pode representar um risco se não houver uma manutenção adequada. Especialmente com a areia muito fina, as partículas de comida podem cair e ficar enterradas. Assim, se não for limpa com cuidado, a areia pode se tornar um viveiro de bactérias prejudiciais para o seu aquário.

Recomendamos a escolha de cascalho ou areia regular para um aquário que contiver apenas peixes. Lembre-se de que a superfície da areia deve ser  limpa constantemente para evitar bactérias.

Substrato para aquários marinhos

Caso você esteja se perguntando, um aquário com ambiente marinho inclui crustáceos, caranguejos e outras criaturas marinhas. Por esse motivo, o substrato de um aquário marinho deve ser amigável para essas criaturas do fundo do mar.

O substrato ideal para o seu aquário

Assim como acontece no fundo dos aquários que só tem peixes, o fundo dos aquários marinhos também deve ter de cinco a sete centímetros de profundidade.

 

Lembre-se de que os ambientes marinhos precisam de muito mais cálcio e magnésio do que os aquários somente para peixes. O cálcio e o magnésio vão manter o pH da água muito mais alto, o que transforma seu aquário em um ambiente mais semelhante ao mar verdadeiro.

Recomendamos a escolha de aragonita – carbonato de cálcio cristalizado – e de corais pulverizados para o seu aquário marinho.

Substrato para aquários com plantas

Além da luz, o outro fator que determina o crescimento adequado das plantas no seu aquário é o solo. O fundo de um aquário com plantas deve ser capaz de fornecer os nutrientes necessários para o seu desenvolvimento.

O substrato ideal para o seu aquário

A maioria desses nutrientes está no solo e não na água. Portanto, você deve escolher o substrato com cuidado. Se a areia for fina demais, pode não reter as raízes das plantas e se compactar no fundo.

O fundo de um aquário com plantas deve ter pelo menos dois níveis. A camada mais profunda deve conter um substrato com alto teor de nutrientes, servindo de fixação para as plantas, que vão enterrar suas raízes nele.

Para evitar que os nutrientes sejam levados pela água, deve haver uma camada de cascalho ou de areia sobre o fundo com o substrato de nutrientes. Essa segunda camada vai atuar como um isolante poroso. Cada uma dessas camadas deve ter cinco centímetros de profundidade.

 

Recomendamos o uso de vermiculita e laterita para o fundo de nutrientes do seu aquário.

Cascalho ou areia para o seu aquário?

O cascalho é o fundo mais comum em aquários. Há muitas variedades e tamanhos, e ele é composto principalmente por pequenos pedaços de quartzo.

A grande vantagem do cascalho é que ele não afeta os parâmetros da água de nenhuma forma: não aumenta nem diminui o pH, nem afeta a dinâmica do ecossistema de maneira alguma.

Por outro lado, se você tiver um bom filtro, a areia é a melhor opção para manter o seu aquário em excelentes condiçõesDevido às suas pequenas partículas, a superfície da areia se compacta e impede que pedaços de comida penetrem no fundo.

Lembre-se de que você não deve usar areia retirada diretamente do mar sob nenhuma circunstância. Essa areia contém uma série de microrganismos e impurezas. Embora isso seja normal no mar, pode ser muito prejudicial para o seu aquário.

Você deve evitar os substratos com cores artificiais. Embora pareçam bonitos, as cores geralmente saem com a água, liberando produtos químicos nocivos. A longo prazo, esses produtos químicos vão prejudicar a saúde dos habitantes do seu aquário.

 
  • Lloret-Pineda, J. (2006) Diseño, Instalación y mantenimiento de un acuario de exposición de agua dulce. Proyecto de fin de carrera, Universidad de Cádiz.
  • Gómez, L. (1993) Un acuario marino; formación y mantenimiento. Universidad de Guadalajara, México.
  • Megías-López, D. (2013) El Acuario: Una herramienta didáctica al alcance de todos.
  • Lang Álvarez, I. (2018) Estrategia de promoción de ventas de acuarios plantados, a través del control de algas y otros desequilibrios ecológicos. Universidad Tecnológica del Perú.