O terrier preto da Rússia: um excelente cão de guarda

29 Julho, 2020
Enquanto for tratada com respeito e treinada com confiança, essa raça vai obedecer à cadeia de comando em casa. Esses cães são adequados apenas para donos bastante experientes.
 

O terrier preto da Rússia foi desenvolvido pelo governo soviético na década de 1930 para proteger os acampamentos militares em tempos de guerra, bem como para patrulhar as prisões. Eles foram desenvolvidos na Rússia em uma instalação secreta do governo conhecida como Red Star Kennel durante os anos que antecederam a Segunda Guerra Mundial.

O governo soviético queria um cachorro ousado, inteligente e robusto que pudesse patrulhar as vastas fronteiras do país, proteger os soldados e impedir que os prisioneiros dos gulags siberianos de Stalin escapassem.

Cientistas e criadores de canis combinaram 17 raças para criar o terrier preto da Rússia, ou BRT, incluindo schnauzer gigante, rottweiler, terra-nova e airedale terrier. O último cachorro atendeu a todos os requisitos da raça: eles eram fortes, corajosos e fiéis aos seus donos.

Quando a Segunda Guerra Mundial terminou, os BRTs voltaram à vida civil como cães de guarda residenciais. Foram nomeados como raça oficial pelo Ministério da Agricultura Soviético em 1981 e foram reconhecidos pelo American Kennel Club em 2004.

 

Reivindicações atuais

Embora tenham um passado assustador, atualmente esses cães pretos se dedicam às suas famílias e protegem as crianças. São calmos e confiantes e, quando estão de folga, são brincalhões e carinhosos.

Além disso, eles também são atentos e corajosos, sempre alertas diante de sinais de perigo. Eles podem ver estranhos como uma ameaça, o que faz com que a socialização seja crítica. Os BRTs devem aprender desde cedo que a maioria das pessoas e outros cães não são uma ameaça, caso contrário será difícil lidar com eles.

O terrier preto da Rússia

O terrier preto da Rússia é um cachorro de trabalho inteligente que precisa de muita atividade física e mental para se sentir satisfeito. Se não for mantido ocupado, o poderoso BRT pode desenvolver hábitos destrutivos.

 

Características do terrier preto da Rússia

O terrier preto da Rússia tem uma pelagem dupla em preto sólido. A espessa camada externa é ondulada e varia em comprimento de 5 a 15 centímetros. A camada interna é macia e densa.

Os BRTs possuem pelagem abundante na cabeça e no rosto, com barba e bigode densos, e pelos que caem sobre os olhos quando não são aparados. A pelagem do BRT deve ser aparada sutilmente para mostrar o contorno do corpo, sem ficar curta demais.

Exigências

O terrier preto da Rússia é considerado um membro da família e deve morar em locais fechados, perto da sua famíliaO treinamento do BRT deve ser firme e consistente, para que ele não se considere o dono da casa. A raça perde pelo apenas moderadamente, de modo que seu manejo não é complicado.

Essa raça se beneficia de lugares ao ar livre onde possa se exercitar e treinar diariamente, sem se preocupar com a aproximação de outros cães ou pessoas desconhecidas. É fundamental que o quintal seja seguro e que você não deixe seu BRT sozinho do lado de fora por muito tempo. Caso contrário, ele pode escapar e se tornar um perigo para si mesmo e para os outros.

 

Um terrier preto da Rússia saudável precisa de uma hora ou mais de exercício diário. O esporte canino e o treinamento de agility são essenciais para essa raça: ajuda para que eles sintam que são participantes valiosos na vida da sua família.

O terrier preto da Rússia

O terrier preto da Rússia têm resistência e capacidade de atenção para longas sessões de treinamento. Bem treinados, são excelentes companheiros de caminhada, pois podem aguentar caminhadas de meio dia e de dia inteiro com facilidade.

Alimentação do terrier preto da Rússia

Em geral, essa raça requer de 3 a 4,5 xícaras de ração seca de boa qualidade todos os dias, distribuída em duas refeições diárias. No entanto, isso varia dependendo do nível de atividade e da idade do seu BRT. Converse com o veterinário sobre a dieta ideal e a quantidade de comida para o seu amigo.

 

Ficar sozinho

O terrier preto da Rússia não gosta de ficar sozinho. Essa raça quer trabalhar, em vez de descansar as patas.

Reconsidere seriamente a compra de um BRT se alguém da família não puder ficar com ele durante a maior parte do dia. Eles podem desenvolver comportamentos destrutivos, tais como latidos excessivos, além de morder ou mastigar o que encontrarem pelo caminho se forem deixados sozinhos.

Problemas de saúde comuns

Os BRTs podem apresentar alguns problemas de saúde específicos da raça:

Você pode minimizar os problemas de saúde graves em um terrier preto da Rússia comprando de um criador com uma boa reputação, que se dedique a práticas de criação responsáveis, e através de exames de detecção para doenças e condições comuns.

 
  • http://www.pethealthnetwork.com/dog-health/dog-breeds/black-russian-terrier
  • http://www.vetstreet.com/dogs/black-russian-terrier#0_k7o7b1dg